domingo, 7 de agosto de 2011

Crónica "Zé"

1 comentário:

Maria Paulo Rebelo, disse...

Esta crónica está... de uma profundidade tão nobre que desarma! O fim?, tão quente como o anunciado sorriso desse Zé camarada.